sexta-feira, 22 de agosto de 2014

A casa de Isabel, de Clara Mello [Resenha]

Nenhum comentário:




Sinopse: Uma notícia inesperada faz com que Isabel e Teo, amigos de infância, passem o Carnaval na casa onde cresceram, revisitando cômodos, lembranças e sentimentos.
“(…) Entende que esta casa é mágica? Aqui podemos ter a idade, a lembrança, o dia que quisermos. Está tudo aqui. Nossa vida, Teo! Protegida nesta casa.”


Quando recebi o livro para resenha, não imaginava que encontraria um livro tão profundo e poético. A casa de Isabel é encantador desde a primeira linha. A Clara tem uma prosa doce, prazerosa e reflexiva, que dificilmente encontramos em leitores mais novos. Além de tratar um assunto tão profundo com leveza e poesia.

quinta-feira, 21 de agosto de 2014

Amazon abre loja virtual no Brasil para a venda de livros em formato físico

Nenhum comentário:
O CL traz nesta tarde de quinta-feira uma ótima notícia. A partir de hoje, os leitores brasileiros passam a ter mais uma opção online na hora de comprar seus livros seus livros em formato físico. A Amazon, conhecida pela comercialização de livros digitais, agora também irá comercializar aqui no Brasil, mais de 150 mil títulos impressos. Isso mesmo meu povo, além das lojas virtuais que costumamos comprar nossos livros queridos, teremos  teremos a opção de comprar na loja virtual da Amazon.  

A empresa já chega com algumas vantagens sobre os demais sites do ramo, além do acervo que já é tido como o maior do Brasil. Entre elas podemos destacar o frete gratuito para compras num valor superior a R$69,00, a funcionalidade Leia enquanto Enviamos, onde o comprador têm acesso a parte do arquivo digital do livro comprado para ler enquanto espera que ele chegue a sua casa. Outra vantagem apresentada pela loja é o fato de que as duas opções de compra (digital e física) aparecerão na mesma página na hora da compra, para que o cliente escolha a que melhor lhe agrada. 

quarta-feira, 20 de agosto de 2014

Através do Tempo - Senhora, José de Alencar

Um comentário:
Durante uma semana eu avaliei e reavaliei com qual livro eu reestrearia a coluna Através do Tempo. Vários passaram pela minha cabeça, mas eu pensei que seria legal começar com título nacional. Afinal, a nossa literatura, por vezes, acaba sendo rechaçada pelos atuais leitores, que a julgam chata e antiquada. Eu comecei com literatura brasileira e ao contrário da maioria, acho os nossos clássicos tão legais quanto os Best-Sellers que circulam por aí. E pensando nisso, eu resolvi falar sobre um livro, que na minha opinião, é um dos melhores romances da literatura brasileira, tanto pela ousadia, quanto pelo enredo. Este livro é Senhora, de José de Alencar, um dos meus clássicos preferidos.



Sinopse: Aurélia Camargo, filha de uma pobre costureira e órfã de pai, apaixonou-se por Fernando Seixas – homem ambicioso - a quem namorou. Este, porém, desfez a relação, movido pela vontade de se casar com uma moça rica, Adelaide Amaral, e pelo dote ao qual teria direito de receber. Passado algum tempo, Aurélia, já órfã de mãe também, recebe uma grande herança do avô e ascende socialmente. Passa, pois, a ser figura de destaque nos eventos da sociedade da época. Dividida entre o amor e o orgulho ferido, ela encarrega seu tutor e tio, Lemos, de negociar seu casamento com Fernando por um dote de cem contos de réis. O acordo realizado inclui, como uma de suas cláusulas, o desconhecimento da identidade da noiva por parte do contratado até as vésperas do casamento. Ao descobrir que sua noiva é Aurélia, Fernando se sente um felizardo, pois, na verdade, nunca deixara de amá-la. E abre seu coração para ela. A jovem, porém, na noite de núpcias, deixa claro: "comprou-o" para representar o papel de marido que uma mulher na sua posição social deve ter. Dormiram em quartos separados. Aurélia não só não pretende entregar-se a ele, como aproveita as oportunidades que o cotidiano lhe oferece para criticá-lo com ironia. Durante meses, uma relação conjugal marcada pelas ofensas e o sarcasmo se desenvolve entre os dois.

terça-feira, 19 de agosto de 2014

Anna Dressed In Blood, de Kendare Blake [RESENHA]

Um comentário:
A resenha que eu trago hoje para vocês é de uma leitura peculiar para mim, porque foi a minha primeira leitura em outro idioma. Vou explicar. Há mais ou menos um ano, eu tive o meu primeiro contato com Anna Dressed in Blood através de uma vídeo resenha e foi paixão a primeira vista.Tanto pela capa, quanto pela sinopse. Mas havia um problema, não tinha tradução para o português. Desde então eu venho procurando e esperando alguma tradução não oficial, ou a manifestação de alguma editora, mas nada. Então percebi que eu não tinha outra opção senão fazer um esforço e tentar ler em inglês. O que não funcionou muito bem porque meu inglês não é nada bom (por enquanto, já estou resolvendo esse probleminha). Então eu achei um PDF em espanhol e encarei a leitura com mais facilidade. O resultado está aqui. Nesta resenha que também é um pouco peculiar.

Vamos lá!

Anna Dessed in Blood é um YA sobrenatural e sombrio, que conta a história do caçador de fantasmas Theseus Cassius Lowood, ou simplesmente Cas. Desde a morte do seu pai, que também caçava os mortos, Cas resolveu assumir a missão do pai com um único proposito, vingar a sua morte, que aconteceu durante uma caçada em situação suspeita. Junto com sua mãe e o gato da família, que tem a sensibilidade de ver fantasmas, e munido com o misterioso athame seu pai, ele viaja pelo mundo matando os mortos que causam problemas matando outras pessoas. Quando é levado por uma pista sobre um fantasma que reside em uma pequena cidade do Canadá, Cas se vê imediatamente atraído por essa missão. Afinal, uma garota que morreu há cinquenta anos, em uma situação misteriosa, trajando um vestido de baile coberto de sangue e que mata toda e qualquer pessoa que entra em sua antiga casa, é algo muito interessante. Mesmo com essa empolgação, Cas acredita que será tudo como tem sido nos outros casos: rastrear, caçar e matar. Mas depois de se ver numa situação precipitada, ele é forçado a encarar o fantasma de Anna antecipadamente. Mas por algum motivo, a mortífera Anna polpa a sua vida, despertando ainda mais a curiosidade do caçador, que logo percebe que algo a tornou muito poderosa. A partir daí, Cas se vê numa situação totalmente nova. E com a ajuda de dois novos amigos(e primeiros em toda a sua vida), ele precisa descobrir o que aconteceu àquela jovem, para despacha-la para onde quer que os mortos vão depois que morrem novamente.

Quando eu li a sinopse pela primeira vez, logo deduzi não se tratava apenas de uma relação de “caçador e caça”. E sinceramente, eu não vi nenhum problema no romance que surgiu entre eles. Foi até fofo, e nenhum um pouco meloso. Cas se sentiu atraído pela história de Anna, antes mesmo de conhecê-la, e quando a viu poderosa e mortal, como se fosse uma deusa da morte, esse fascínio por ela só aumentou. Porém, o interessante é que ele não percebeu de imediato o que estava sentindo por ela. E a Anna, embora tenha sido um tanto hostil no começo e afável depois, trazendo aquele clichê bem YA, não deixou o romance forçado e centralizado. Pelo menos não pra mim. Já que vira e mexe aconteciam coisas misteriosas, mortes bem cruas, e acontecimentos sombrios.

O livro tem algumas cenas que atingem um clímax envolvente. Isso aconteceu, principalmente pela descrição presente no livro. A aparição da Anna, a narração da sua morte, e a luta que acontece no final foram muito bem escritas e empolgantes. O que ao sobressai muito, comparado ao mistério.

O grande pecado da Kendare no livro foi a falta de desenvolvimento do suspense (categoria na qual o livro é classificado). Primeiro, o livro é dividido em dois momentos que se caracterizam em dois mistérios: a morte de Anna e a verdade sobre o fantasma que matou o pai de Cas. Quanto a isso, tudo bem. Mas acontece que ela não conseguia manter a verdade nas entrelinhas. Ou o suspense por muito tempo. As histórias vinham à tona muito rapidamente. Você não tinha tempo nem pistas para cogitar nada sozinho.

Uma coisa que eu vi na maioria das resenhas brasileiras sobre o livro foi que pouca gente gostou dos personagens secundários. Alguns nem gostaram dos protagonistas. Porém eu vou sair em defesa deles. O livro é narrado por Cas, então tudo que a gente tem acesso é pela visão dele. E ele é fascinado pela Anna, que num momento é uma deusa da morte, e no outro é uma adolescente perdida (e morta). Então ela ganha todo o destaque da história e você acaba se influenciando por toda essa admiração que ele tem. Eu, particularmente, amei ela nas duas faces que ela mostrava. A personagem é poderosa, ao mesmo tempo em que é frágil, e eu gosto desse tipo de contraste. O Cas também me agradou bastante. Ele é um garoto que conviveu a vida inteira cercado de coisas sobrenaturais (mãe bruxa e pai caçador), mudando de um lugar para o outro, sem criar laço com ninguém. Isso o tornou solitário e prático. A morte do pai lhe deu um propósito e o isolou ainda mais. Mas repente ele se vê criando laços de amizade com uma garota civil eum garoto esquisito e telepata e se sentindo apaixonado por uma garota morta. Carmel é a rainha do colégio, filha de pessoas importantes na cidade e com o mundo aos seus pés, mas ao mesmo tempo é esperta, amiga e forte. Sinceramente, eu adorei ela. Thomas é órfão, mora com o avô bruxo, tem um dom telepático, veste roupas estranhas e é considerado esquisito. Ah, tem uma quedinha por Carmel. Ele é muito fofo. Não tenho do que reclamar deles dois. O resto dos personagens acaba ficando um pouco esquecido em alguns momentos, e talvez isso seja um pouco ruim, mas não desvaloriza a história.

Acho que já deu pra perceber que eu adorei esse livro. Eu terminei livro querendo muito ler Girl of Nightmares, continuação da série que eu ainda não sei ao certo se é uma duologia ou trilogia. E para quem não sabe, a Kendare vendeu os direitos dos livros para a adaptação para o cinema, e o filme será produzido por Stephanie Meyer. Sei que algumas pessoas não vão gostar dessa ultima informação, mas não se deixem influenciar. Ela só vai produzir. Por fim, eu recomendo a litura de Anna Dresed in Blood, que não é muito difícil.

APELO!
Não sei se isso vai servir para alguma coisa, eu vou falar mesmo assim. Provavelmente poucos de vocês já devem ter se deparado com alguma resenha desse livro na nossa blogosfera, e as opiniões são bem divergentes. Uma boa parte adorou, outra boa parte detestou. Mas a verdade é: tem muita gente comentando e querendo ler esse livro. O que me faz perguntar por que ainda não publicaram isso no Brasil? Então que tal dar uma forcinha pra que isso aconteça. Se você se interessou e acha que vale a pena, pode ajudar mandando um email pra alguma editora mostrando resenhas, noticias e informações sobre Anna Dressed In Blood. Compartilhe com amigos nas redes sociais. Façam o burburinho, que já é consideravelmente alto, ficar mais alto ainda. Quem sabe não conseguimos trazer esse livro pra quem não consegue ler em outro idioma.Vale a pena o esforço. E que não quiser esperar, e tiver o interesse em ler o livro em inglês ou espanhol, deixo aqui os links para que vocês possam baixar os arquivos em PDF, ou se quiserem podem entrar em contato pelo Facebook ou email que eu envio. Boa leitura.
PDFs para download: Espanhol e Inglês

Sessão Booktrailer - Anna Dressed In Blood, de Kendare Blake

Nenhum comentário:
A Sessão Booktrailer de hoje traz o vídeo de um livro, que eu li durante as férias, e que eu já vinha morrendo de vontade de ler a muito tempo: Anna Dressed in Blood, da Kendare Blake. Infelizmente, esse livro ainda não foi publicado no Brasil. Pior ainda, nem o PDF traduzido circula pela rede. Isso também acontece com o booktrailer. O máximo que consegui, foi uma tradução para o espanhol do livro. Mas como eu vou publicar a resenha do livro mais tarde, achei válido compartilhar com vocês a booktrailer dele, também.  Para quem não conseguir entender o que está escrito no vídeo, eu traduzi abaixo. Se preparem, porque é de arrepiar!!!



"Theseus Cassius Lowood, caça fantasmas
Cass Lowood, você está cordialmente convidado...
para testemunhar o seu próprio desmembramento...
e a ser adicionado a minha coleção de vítimas indefesas
Traga uma arma e tente me parar
Abraço, Anna Korlov
Anna Vestida em Sangue
O garoto encontra apenas uma da garota comum...
a história dos assassinos da garota"

segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Lançamentos do Mês (Agosto) - Galera Record

Um comentário:
Dando continuidade aos lançamentos para o mês de agosto, hoje o blog traz as principais novidades da Galera Record. Nem preciso dizer que quando vi o primeiro lançamento listado, meu coração quase parou (e eu quase vendi meus rins para compra-lo). Mas vamos aos lançamentos.



CIDADE DOS OSSOS / CIDADE DAS CINZAS (EDIÇÃO DE COLECIONADOR 2 EM 1) Clary Fray só queria que sua vida voltasse ao normal. Após testemunhar um enigmático assassinato em uma discoteca, a jovem acabou se envolvendo mais do que gostaria no submundo de Nova York. Agora, a Caçadora de Sombras precisa investigar o coma magicamente induzido de sua mãe, a matança de jovens do Submundo e o roubo da Espada da Alma, acontecimentos estranhamente relacionados a seu irmão, o belo e irritante Jace, e a seu pai, o ex-Caçador de Sombras Valentim.
· O livro é uma edição 2 em 1 para colecionadores dos dois primeiros volumes da série Os Instrumentos Mortais, Cidade dos Ossos e Cidade das Cinzas.

sexta-feira, 15 de agosto de 2014

Resenha - Cidade do Fogo Celestial, de Cassandra Clare

Nenhum comentário:
Ano: 2014
Autora: Cassandra Clare
Série: Os Intrumentos Mortais
Editora: Galera Record
Gênero: Ficção estrangeira
Páginas: 532
ISBN: 9788501092731
Sinopse: ERCHOMAI, Sebastian disse. Estou chegando. Escuridão retorna ao mundo dos Caçadores de Sombras. Enquanto seu povo se estilhaça, Clary, Jace, Simon e seus amigos devem se unir para lutar com o pior Nephilim que eles já encararam: o próprio irmão de Clary. Ninguém no mundo pode detê-lo — deve a jornada deles para outro mundo ser a resposta? Vidas serão perdidas, amor será sacrificado, e o mundo mudará no sexto e último capítulo da saga Os Instrumentos Mortais.


Depois de um bom tempo de espera, no mês passado chegou ao Brasil a conclusão de uma das sagas mais queridas pelo público. Cidade do Fogo Celestial encerra o ciclo de Instrumentos Mortais com muita tensão, emoção e sacrifícios. Um final de tirar o fôlego que só reafirma todo o talento de Cassandra Clare e a sua capacidade de não decepcionar seus leitores.

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Nota Explicativa

Nenhum comentário:
Só queria pedir desculpas, pois ontem eu não pude escrever o post da coluna "Através do Tempo", pois estive um pouco doente. Eu poderia escrevê-lo e postá-lo hoje, mas já está tarde para fazer isso e eu ainda tenho que estudar para um seminário da faculdade. Infelizmente, vai ficar para a próxima semana. Sem falta.

Camila Nyx*-*

Filmes da semana - 14 a 20 de agosto

Nenhum comentário:
Olá!!!

Para quem adora cinema, e gosta de ficar por dentro das principais novidades da semana, hoje estreia no blog a coluna semanal Filmes da Semana.Vejam a lista que eu preparei para vocês, e escolham a melhor opção (ou melhores opções) para curtir uma pipoquinha no cinema.

Amantes Eternos


Gênero: Drama
Direção: Jim Jarmusch
Roteiro: Jim Jarmusch
Elenco: Ali Amine, Anton Yelchin, Aurelie Thepaut, Carter Logan, Jeffrey Wright, John Hurt, Mia Wasikowska, Slimane Dazi, Tilda Swinton, Tom Hiddleston
Essa é a história de amor entre dois vampiros muito antigos, Eve (Tilda Swinton) e Adam (Tom Hiddleston), imortais cansados profundamente incomodados com a evolução da humanidade. Há séculos vivem uma relação de cumplicidade e muito amor, que será abalada pela aproximação da irresponsável irmã caçula de Eva, a jovem Ava (Mia Wasikowska).


terça-feira, 12 de agosto de 2014

Sessão Booktrailer - Cidade do Fogo Celestial

Nenhum comentário:
Olá!!!

A Sessão Booktrailer de hoje tem o gostinho especial de despedida. Há dois meses foi lançado o último livro de uma das minhas sagas preferidas: Os Instrumentos Mortais, de Cassandra Clare. E lógico que antes do livro ser lançado, os fãs foram agraciados com esse booktrailer lindo, que nos deixou com uma ansiedade maior para ler o livro. Como eu já li o livro, em breve eu trago a resenha para vocês. Enquanto isso, assistam e fiquem com vontade de ler.


Não disse que era lindo!!! E ainda tem citação Romeu e Julieta. 

segunda-feira, 11 de agosto de 2014

Lançamentos do Mês - Rocco (Parte 2)

Nenhum comentário:
Estou de volta para postar a segunda parte dos lançamentos editoriais da Rocco para agosto. Trago agora as novidades dos selos da editora: Rocco Jovens Leitores, Fantástica e Rocco Digital. Confesso que eu fiquei mais interessada nos livros da Fantástica. Já viram como a capa de O Reino das vozes que não se calam é linda?


  • Fantástica




CEMITÉRIOS DE DRAGÕES - Legado ranger 1, de Raphael Draccon
Cemitérios de dragões é a aguardada estreia de Raphael Draccon na Rocco e marca o lançamento do selo Fantástica, voltado para obras de fantasia, terror e ficção científica. Nesta obra, Draccon mostra novamente por que é um dos principais nomes da fantasia nacional. Com maestria, apresenta aos leitores uma aventura alucinante, onde cinco humanos (um militar americano, uma refugiada ruandesa, uma garçonete irlandesa, um dublê francês e um hacker brasileiro) se veem no meio de uma batalha insana de uma dimensão assolada pela escravidão. Demônios, dragões, homens-leões e heróis de metal se enfrentam numa guerra que pode afetar outras dimensões.
Ritmo alucinante, ação crescente, repleto de referências pop e com uma pegada sombria e violenta, mas inspirada nos seriados japoneses que fizeram enorme sucesso nas décadas de 1980 e 1990, como Jaspion, Changeman, Flashman, Spectreman, entre outros, Cemitérios de Dragões é mais um sucesso de Raphael Draccon e o começo de um universo que promete muitas aventuras e vai arrebatar os fãs de fantasia.

Lançamentos do Mês - Rocco (Parte 1)

Nenhum comentário:
Recomeçando as atividades do blog nesta segunda-feira, eu trago para vocês os lançamentos da editora Rocco para o mês de Agosto. Para que o texto não fique muito extenso, devido ao grande número de títulos lançados pela editora, irei dividir o post em duas partes. Nessa primeira parte, trarei os livros para o público adulto.

Dando uma olhada no que Rocco tem para este mês, algumas coisas me chamaram a atenção, como Nadando de volta para casa, A loura dos olhos negros e Lealdade a si próprio.  



SKAGBOYS, de Irvine WelshSkagboys é o oitavo romance do autor escocês Irvine Welsh. A obra encerra a trilogia iniciada porTrainspotting, que rendeu a Welsh uma posição de destaque na literatura britânica contemporânea, e completada por Pornô, todos publicados pela Rocco. Os livros acompanham a escalada do vício em heroína e suas consequências sobre as vidas de Mark Ranton, Sick Boy e sua turma de amigos.
O romance se desenrola no Leith, distrito de operários localizado no norte de Edimburgo, a capital escocesa. Após a ascensão do Partido Conservador no Reino Unido com a eleição de Margareth Thatcher, os índices de desemprego dispararam em toda a Escócia, e uma geração recém-saída do ensino básico se vê sem opções de trabalho e qualquer dinheiro no bolso, mas com muito tempo livre. A turma de Mark Ranton não é exceção: seu grupo de amigos ocupa os dias tomando cerveja nos pubs, usando drogas de todos os tipos e se envolvendo em esquemas ilícitos na sua área e nos bairros vizinhos.
Embora tenha sido escrito quase duas décadas após Trainspotting, Skagboys situa-se cronologicamente como o primeiro livro da trilogia. É nele que ocorre o primeiro contato dos protagonistas com o mundo das drogas pesadas, e a construção cuidadosa da obra de Welsh permite ao leitor compreender de maneira minuciosa a influência do contexto social escocês da década de 1970 sobre os atos dos personagens.

quinta-feira, 7 de agosto de 2014

Retorno + Layout Novo = Blog Novo

Nenhum comentário:
Olá meus leitores!  Voltei

Depois de quase cinco meses  de ausência e promessas de retorno feitas no twitter, eu finalmente consegui voltar para o meu blog querido. E se preparem que eu vim com tudo dessa vez.

Confesso que a minha ausência se devia principalmente por eu estar insatisfeita com o layout antigo. E como eu não entendia patavinas sobre edição de template, tive que estudar um bocado, e errar mais ainda. Mas o resultado está aí. O outro motivo para eu ter abandonado o blog foi a minha rotina de faculdade. Acabei não conciliando o tempo direito e até as minhas leituras ficaram meio de lado nesses meses. Mas agora que eu já estou mais acostumada  e com maior tempo livre, vai dar tudo certo e eu não vou deixar de postar por aqui.

Mas não é só a aparência que passou por mudanças.  O blog em si mudou. Eu estou numa nova fase da minha vida, e nada mais justo que esse meu cantinho acompanhe essa nova fase. Mas calma, que eu vou explicar uma coisa de cada vez. Vamos lá!?